quarta-feira, 27 de março de 2013

A poesia de Lígia Saavedra




"qual o sentir que me assume?
miro o pensar, abro a rua
da alma que sonha com a lua
do brilho "só teu", vagalume..."
 (Lígia Saavedra)