sábado, 15 de junho de 2013

Samuca Santos partiu, mas nos deixou (dez)ilusões...


(dez)ilusões











Samuca Santos
(*09/06/1960 +06/06/2013)

não quero a menina
não saberia o que fazer com ela
também não sei onde foi se esconder
nos corredores de outrora
tenho certeza que não

queria a promessa dos seios
no corpinho leve
a boca que não sabia beijar
e toda a precocidade do pensamento
em formação
: a menina tinha atitude
e era tudo o que eu quis

mas também não sei se quero
a mulher com seus problemas
adultos, somos absurdos
e não nos encontraremos nunca

(república de olinda, 01/03/2011)

 (Poema enviado por Cicero Melo)